segunda-feira, 5 de junho de 2017

Guarda Civil Municipal realiza Ronda Rural no fim de semana

Durante o dia e a noite do último Domingo dia 04/06/2017, por ordem da Prefeita Quitéria Carneiro Araújo, a GCM Santaluz, retomou as atividades do Projeto Ronda Rural, através do patrulhamento Preventivo, que visa garantir a proteção dos patrimônios públicos do nosso município, assim como, resguardar nosso maior Patrimônio que é "A vida das pessoas."


A primeira localidade contemplada foi a comunidade de Barreirinho. Em seguida o povoado de  Sisalândia, onde recebemos Denúncias através de nossos canais de atendimento, que alguns Bares tem causado  pertubação do sossego nos fins de semana através do volume elevado de sons.
Fomos informados também sobre a presença de pessoas que utilizam motocicletas de maneira irregular, sem o escapamento, causando grandes transtornos à comunidade. Os agentes orientaram de forma pacífica os proprietários dos bares sobre o crime que os mesmos estão cometendo. Os condutores dos veículos não foram identificados, porém alguns populares foram informados sobre as medidas que serão tomadas caso persistam nessa conduta.


Logo após, foi a vez do povoado de algodões, onde o Diretor da Gcm, Jacson Araújo, presente na ação , parou para ouvir relatos dos moradores sobre as demandas da localidade.
Esteve na casa das senhoras Maria Helena Souza da Silva e Judi lande Souza da Silva onde houve um bom bate-papo  entre a população e a corporação.  
"Considero que esse momento é de grande importância para o projeto, pois foi ouvido anseios da comunidade, e com isso colhido e catalogado problemáticas que servirão para programar futuras ações", disse o diretor.














Por fim, a guarnição visitou o Distrito de Pereira onde também tem registros de denúncias sobre desordem causadas pelos famosos Motoqueiros, concluindo assim, mais uma ação do Projeto Ronda Rural com o apoio da Prefeitura Municipal. 



segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Material furtado de prédio público é recuperado por agentes da GCM-Santaluz


Objetos e equipamentos recuperados 

A Guarda Civil Municipal de Santaluz recuperou na tarde de hoje material que havia sido furtado do Centro de Inclusão Digital, localizado no Largo do Tanque Grande em Santaluz, o prédio havia sido depredado e invadido no último final de semana, o órgão responsável pela administração do centro relatou ausência de objetos e equipamento no local a GCM-Santaluz que desde então realiza buscas.

Graças à denúncia realizada na manhã de hoje (19), agentes conseguiram localizar os objetos e equipamentos furtados, o homem que estava em posse dos objetos foi encaminhado à Delegacia Territorial de Santaluz que deve prosseguir com os tramites legais.

O Diretor da GCM-Santaluz Jacson Araújo enfatiza a importância da realização de denúncias pela população e parabeniza ao cidadão que fez a denuncia, que possibilitou a recuperação dos objetos, que são bens públicos que pertencem a todos os munícipes, ele aproveitou ainda para incentivar a realização de denúncias de crimes contra o patrimônio público, evitando prejuízos e garantido a manutenção dos serviços públicos.


Os equipamentos foram devolvidos ao órgão responsável para que possam ser repostos no Centro de inclusão digital, que permite a alunos da rede pública acesso a internet para realização de pesquisas e outros serviços.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Encerramento da etapa 2016 do Projeto Patrulha do Bem da GCM-Santaluz aconteceu nesta sexta (2)

GCM-Santaluz
A Guarda Civil Municipal de Santaluz realizou nesta sexta-feira (02) a culminância do projeto 'Patrulha do Bem' que levou atividades lúdico-pedagógicas e esportivas aos alunos atendidos pelo projeto Centro de Formação Menino Jesus, no Morro dos Lopes.


Durante a manhã, agentes estiveram no centro e realizaram jogos e dinâmicas que ressaltavam o trabalho em equipe e a capacidade de abraçar oportunidades, última lição deixada pelos agentes na edição deste ano do Projeto.





O Comandante da GCM Daniel Oliveira evidenciou durante o encontro a importância da interação de instituições de segurança e a comunidade e a importância do projeto para aproximação dos agentes e da sociedade.

Um lanche com as crianças e adolescentes finalizou a experiência caracterizada pelos agentes que participaram da aplicação do projeto durante o ano como satisfatória e enriquecedora, haja vista que possibilitou uma interação mais próxima com a realidade dos alunos.


O  subcomandante da GCM-Santaluz José Nilton Teixeira, afirma que a expectativa é que o projeto tenha continuidade, para que mais momentos de transferência de saber e experiências possam ocorrer entre a GCM e o centro e que possa se expandir para atender a outras escolas ou entidades do município.


As ações receberam o apoio da Prefeitura Municipal de Santaluz, que buscou ampliar a atuação social dos agentes que participavam das ações do projeto em horários opostos a sua atuação em serviço de forma Voluntária.